segunda-feira, 16 de outubro de 2017

mais parvoíces

Ainda de manhã, digo na sala: 

Eu: Olhem vocês sabem aquela anedota que num velório...

Colega da frente-esquerdo: Isto hoje está bonito, está. É para continuar?

Eu: Não posso? É demasiado?

Colega da frente-esquerdo: Eu acho que hoje estás sem travões. Mas vá, continua lá.

Eu: Houve um viciado em Internet no telemóvel que foi a um velório e perguntou à pessoa que estava ao lado: "Por acaso não sabe qual é a password do wifi?". A pessoa indignada respondeu: "Pouco barulho que está num velório! Tenha respeito!" E o viciado em Internet no telemóvel, mexe no dito e passados uns minutos responde: "Desculpe, mas essa não é password correcta". 

Colega da frente-esquerdo: Não tens mesmo nada para fazer, pois não?

2 comentários:

  1. E o caso real que o jovem desligou a máquina do avô para ligar o telemóvel ahahahahahhahahahahahaha Digam que é distração

    ResponderEliminar

Este blogue não é uma democracia e eu sou um ditador'zinho... pelo que não garanto que o comentário seja publicado. Mas quem não arrisca...