quarta-feira, 12 de abril de 2017

update e parvoíces

Este blogue mete-me nojo. Ou como dizem pelo Porto: mete-me "N-O-I-J-O". Este abandono extremo a que vetei este espaço, faz-me impressão. Confusão, vá. Tipo, então não era a minha coqueluche e eu deixo as coisas chegarem a este estado? A um estado de sítio? Eu bem tento escrever algo, mas quando me mexo, perco a vontade. Ou então tenho outra coisa para fazer, e acabo por me esquecer do blogue. 

Mas tenho tanto assunto, tanta parvoíce e dúvida para partilhar, que já tentei organizar-me e escrever tudo num caderno preto, para depois "passar a limpo". O problema é que depois, nem a limpo, nem a sujo... e a minha cama é uma galdéria... consegue sempre prender-me nos seus lençóis. Bom, mas eu juro que tento. Mas depois nada. É tal e qual aquelas situações em que a malta exige: "ou fodes ou sais de cima"... e eu, neste caso, não saio de cima, nem fodo - isto não ficou lá muito bem, mas isso agora não interessa nada (como dizia a outra). 

Bom, para não perdermos tempo nos preliminares, aqui fica uma breve síntese da minha vida super-excitante dos últimos tempos: 

- Estou gordo que nem um texugo. Cheguei aos 77kg, parei de "inchar" e agora iniciei um "cut". Vou na segunda semana da "coisa", estou nos 73kg, mas continuo barrigudo. A minha colega da frente adora, está sempre a apalpar-me e diz-me que lhe faço lembrar o rechonchudo do marido. Não sei bem se é um elogio... ainda estou para perceber.

- A minha colega do ponto anterior também me disse, que na semana passada na casa dela, quando estavam a jantar, o marido deu um murro na mesa e afirmou: "dá para parar de falar no-não-sei-quantos". O "não-sei-quantos-sou-seu" e não sei de deva ficar preocupado. Seja como for, quando passo a estrada olho sempre 4 vezes. Não vá o diabo tecê-las. 

- Vi o nosso amigo Ricardo (da Outra Face) pelo Grindr. Ainda pensei meter conversa com ele... mas depois iria aparecer no blogue do moço e seria "apresentado" (de certeza) como um velho tarado, e não estou para isso. Tarado, ainda não vá que não vá, agora velho não me apetece. 

- Já não saio para discotecas e afins há milénios. Estou com medo que o Trumps tenha fechado e ninguém me tenha avisado. Sei que agora há um novo café/bar dos mesmos donos, para a pessoa "fazer tempo" antes de ir bater o pé ao som da música, mas ainda não conheço. Convidei um amigo meu longa data para ir comigo, mas ele deu-me uma tampa. Aliás, esta tem sido a minha sina nos meus últimos tempos. Com tanta tampa que tenho levado, pelo menos ainda consigo um trem de cozinha. "Panela" já tenho. 

- Vi o anúncio da MEO que simula uma troca de mensagens no WhatsApp entre a Dona Dolores e o Cristiano Ronaldo em 1997... Ainda bem que alguém faz futurologia... ainda que em 2017. Qual Lenita das cartas, qual quê. 

- Ahhhhhh também vi o Cláudio Ramos nas Amoreiras, a lanchar na Padaria Portuguesa com uma amiga loira. Não é que isso tenha interesse, mas resolvi partilhar. 

- Um dos go-go-dancer´s do Construction está no programa da TVI ("Love On Top", ou como se diz em português, "o amor está por cima" - afinal o amor está como eu neste blogue, não fode) com a namorada (?) - não é que veja, mas ando atento às notícias. Embora já me tenham dito que ele não tem rabo na televisão, devo dizer-vos que as fotos que ele tem no Instagram a mostrar o dito cujo, podem rivalizar com a Kim. Mas isto na época da imagem, vale o que vale. Por isso sou como São Tomé e os espanhóis. Ou seja, vejo para crer e vejo com as mãos. 

Ah e agora o meu word acabou de dizer que é "false" e não faz "copy-paste". Que mania têm estes programas em querer ter personalidade. Fónix. 

- É pah, esta publicação parece uma coluna de coscuvilhice da revista Nova Gente, mas olha, é o que se arranja. Pronto, chega. Acabei de beber 3 litros de água e preciso de ir ao wc. 

8 comentários:

  1. Se é uma meta tua vai em frente! Acredita em ti! ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Da meta que pretendas lol se for o peso que o seja... Não vejo mal nisso... Aliás em algumas pessoas até nem fica assim tão mal desde que não seja por excesso... Não gosto de homens ultra/mega definidos... Pois para conviver são uma seca... Uma cambada de restrições...

      Eliminar
  2. A blogo está toda ela de rastos. Eu ando a escrever para um universo cada vez mais restrito. Enfim, não é que me preocupe muito. Escrevo mais para mim do que para os outros.

    Bom ler-te.

    abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Mark'zinho! Eu acho que esta inércia pega-se... mas tu tens estado imune e ainda bem :P Acho que a blogo tem fases, pode ser que com a primavera a "coisa" arrebite :P

      Eliminar
  3. Eu ia-te perguntar o que andas a fazer por aquele site que começa por G e acaba em R e pelo meio tem R I N D. Mas achei que ia parecer beatice e censura e já não pergunto.
    :)
    Anfitriãozinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha não faço nada... ajuda-me a não ser "o único gay da aldeia". Mas também as conversas morrem logo quando digo "não procuro nada" lol

      Eliminar

Podem comentar, que eu deixo. Vale tudo, menos ofender. Ok? E estar vivo é o contrário de estar morto - Lili Forever.