sexta-feira, 10 de março de 2017

sorte

Agora que estou gordo (pela primeira vez na minha vida tenho 74 kg) as minhas colegas mexem-me na barriga, apalpam-me as mamas e olham para o meu rabo. Sinto-me como um pequeno Buda em que se esfregam as mãos na barriga para dar sorte. Podia ser pior, é um facto.Só sei que se alguém ganhar o Euromilhões (ou outro prémio monetário qualquer) quero metade.

4 comentários:

Podem comentar, que eu deixo. Vale tudo, menos ofender. Ok? E estar vivo é o contrário de estar morto - Lili Forever.